segunda-feira, 21 de abril de 2008

Bons Hábitos

1 Timóteo 4:6-16

“Para isso é que eu também me afadigo, esforçando-me o mais possível, segundo a sua eficácia que opera eficientemente em mim.” Cl 1:29

Alguns anos atrás, li uma mensagem que tinha como tema “adquira o hábito de não ter hábitos”. Era uma mensagem interessante que ensinava sobre o perigo de nos habituarmos com as práticas religiosas passando a fazê-las mecanicamente. Assim muitos vão à igreja, cantam no coral, e até mesmo têm seu momento de leitura bíblica e oração mais porque formaram um hábito e não por amor a Deus e sua obra.
Concordo que temos que ter esse cuidado, mas não podemos pensar que ter bons hábitos pode ser negativo. Nós temos que buscar a santificação a cada dia; para isto é necessário o exercício espiritual, que é feito quando adquirimos bons hábitos. A definição da palavra hábito no dicionário diz o seguinte: “Hábito, disposição duradoura adquirida pela repetição freqüente de um ato, uso, costume”. Como cristãos é natural que nossa vida seja marcada por atitudes cristãs, atitudes estas que são repetidas diariamente tornando-se bons hábitos. “...exercita-te, pessoalmente, na piedade.” 1 Timóteo 4:7
Portanto, tomemos cuidado para não nos acostumarmos com a vida cristã, fazendo mecanicamente aquilo que deve ser feito em espírito e em verdade, mas não deixemos de adquirir bons hábitos. Devemos fugir dos “maus” hábitos e dos hábitos que podem não parecer tão maus, mas são, pois tomam o tempo de nossos exercícios cristãos.
Conta-se que um sábio francês resolveu ensinar seu cavalo a comer somente uma palha de capim por dia. Precisamente quando o cavalo estava ensinado, o que aconteceu? O cavalo morreu.
Precisamos analisar nossa vida, nossas atitudes, buscando viver da melhor forma possível com atitudes cristãs, tendo como alimento a palavra de Deus, deixando para trás aquilo que é mau.

Adquira o hábito de ter bons hábitos