segunda-feira, 26 de junho de 2017

Vitoriosos

1Coríntios 15.57-58

“Graças, porém, a Deus, que, em Cristo, sempre nos conduz em triunfo e, por meio de nós, manifesta em todo lugar a fragrância do seu conhecimento” (2Co 2.14).

O desejo de vencer, ser vitorioso, nos acompanha por toda a vida. Acreditar que a vida vai melhorar é uma expectativa que nos manten vivos e ativos. Como diz a letra de uma música de Guilherme Arantes: “E é tão gostoso ter os pés no chão e ver que o melhor da vida vai começar”. Embora ser vitorioso seja o desejo de muitos, infelizmente poucos experimentam o sabor de uma vida de conquistas vitoriosas. 
Mas o que é vitória? Acredito que por não saber ao certo o que é ter uma vida de vitórias, tantos não se aproximam das verdadeiras conquistas. Vitória é poder viver no centro da vontade de Deus. É se aproximar de Deus e viver realizando a sua vontade, uma vida de amor e obediência a Deus. Ter comunhão com o Deus vitorioso nos garante obter vitórias em nossa vida. Ele nos dá a vitória. Nesta comunhão, temos grande proveito, mas para termos comunhão com Deus é necessário sacrifício pessoal. Paulo diz a Timóteo (2Tm 2.3-4) que, como bom soldado de Cristo, ele deveria participar de seus sofrimentos. Como um soldado que em serviço não se envolve em negócios desta vida, porque seu objetivo é satisfazer aquele que o arregimentou, Timóteo deveria dar prioridade a Deus. Não correr como alguém sem meta, “como um míssil sem alvo que vagueia sem direção e eventualmente se auto-destrói” (Alan Baldwin). Isto é vitória, viver com Deus e para Deus. 


O melhor da vida começa quando entregamos nossa vida a Cristo.