terça-feira, 8 de agosto de 2017

Você conhece

Romanos 1.18-22

“Porque os atributos invisíveis de Deus, assim o seu eterno poder, como também a sua própria divindade, claramente se reconhecem, desde o princípio do mundo, sendo percebidos por meio das coisas que foram criadas. Tais homens são, por isso, indesculpáveis” (Rm 1.20).

R. C. Sproul conta que foi convidado para falar a um clube de ateus numa universidade. Eles pediram que apresentasse uma justificativa intelectual para a existência de Deus. Depois de apresentar os seus argumentos, no final de sua apresentação disse: “Estou lhes dando argumentos, mas acredito que não preciso provar a vocês que Deus existe, porque creio que vocês já sabem disso. O problema de vocês não é não saber que Deus existe; seu problema é que vocês desprezam o Deus que sabem que existe. O problema de vocês não é intelectual é moral”. 
Desde o princípio do mundo, desde a criação, Deus tem se revelado. Deus se faz conhecer através de suas obras. Deus pode ser visto nas coisas que criou. Todas as pessoas são capazes de saber que Deus existe. Deus se manifestou, enviando Jesus ao mundo. Deus também se revela pela sua palavra que pode ser lida, ouvida através da pregação. O que ocorre é que muitos não querem ouvir. Paulo diz que estes detêm a verdade pela injustiça. Esta supressão da verdade tem o propósito de tirar da mente a ideia de Deus. Resistir à verdade. Por que muitas igrejas estão vazias no domingo enquanto o shopping está lotado? Porque para muitas pessoas é desagradável ouvir a verdade. Elas não querem ouvir a respeito de Deus. Deus se revela a nós que temos prazer em ouvi-lo e buscamos conhecê-lo. 


O grande Deus está muito próximo.