segunda-feira, 9 de outubro de 2017

Bonsai humano

2Pedro 3.14-18 

“Antes, crescei na graça e no conhecimento de nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo. A ele seja a glória, tanto agora como no dia eterno” (2Pe 3.18).

Sempre achei que Bonsai fosse um tipo de árvore especial que não crescia. A palavra japonesa Bonsai significa “árvore em bandeja” ou “árvore num vaso”. “O Bonsai não se trata de uma espécie vegetal específica, mas sim de uma técnica utilizada em árvores com o objetivo de “miniaturizá-la”, inspirando-se em formas existentes na natureza. Não há árvore de Bonsai, mas árvores que se transformam pelo processo de Bonsai. Na prática, é a arte de selecionar e transformar árvores que tenham potencial para se assemelhar a uma réplica na natureza” (Wikipédia). Bonsai então é uma árvore comum, só que num vaso pequeno. Essencialmente, é uma obra de arte produzida pelo homem através de cuidados especializados.
Existe também muitos Bonsais humanos. Pessoas que não cresceram, pois se deixaram miniaturizar pelos outros e até por eles mesmos. Vivem sendo podados. Existe muita gente que não cresce, pois nunca saiu do vaso, da bandeja. Pessoas que se acostumaram com uma forma pequena. Pessoas que não acreditam que podem ser muito maiores do que são. Que mesmo depois de viver muitos anos, ainda se alimentam de leite, como os membros da igreja de Corinto. É preciso buscar alimento sólido. É preciso ter coragem para enfrentar os desafios. Grandes são os propósitos de Deus para a nossa vida. Por isso podemos ser pessoas grandes. Deus quer que cresçamos, principalmente em maturidade. 


Sejamos do tamanho que Deus quer.