terça-feira, 28 de novembro de 2017

Governar

1Timóteo 3.1-7

“E Deus os abençoou e lhes disse: Sede fecundos, multiplicai-vos, enchei a terra e sujeitai-a; dominai sobre os peixes do mar, sobre as aves dos céus e sobre todo animal que rasteja pela terra” (Gn 1.28).  

Quando Deus distribuiu funções aos seres criados, ele concedeu-nos o privilégio de governar sobre todo o resto da criação. Ele fez-nos gerentes de tudo que havia criado para a Sua glória! Desde então, o homem gerencia exércitos de seres e órgãos vivos, móveis e imóveis, grandes e pequenos. Houve um tempo em que todos esses exércitos eram subservientes e favoráveis ao gerenciamento humano, mas depois que o pecado nos obscureceu o entendimento, essa gerência passou a ser dura, penosa e difícil. Ainda assim Deus preservou em nós este privilégio!
Observe que, independente de quão diferentes sejamos, ainda assim todos nós temos algo debaixo do nosso governo! Em primeiro lugar isso é um privilégio! Além disso, nosso governo deve refletir o governo universal de Deus. Devemos demonstrar a tudo e todos debaixo de nosso governo, bondade, amor, misericórdia, justiça, cuidado e tudo mais que recebemos constantemente de Deus. Devemos valorizar aquilo ou aqueles sobre os quais governamos da mesma maneira que Deus nos valoriza e ama! Portanto, olhemos ao nosso redor! Oh, que grande privilégio temos de poder gerenciar! Seja o marido a sua família e empresa; seja uma dona de casa ao seu lar e filhos; seja um empregado ou empregador, nas mais diversas profissões, gerencie o que está sob seu governo, sempre com excelência, para a Glória de Deus!


Senhor, ajude-nos a valorizar este grande privilégio que temos!