domingo, 10 de dezembro de 2017

Força maior

Romanos 8.26-28

Ensina-me, SENHOR, o teu caminho e guia-me por vereda plana” (Sl 21.11a).

Henry Ford disse: “Se eu perguntasse aos meus clientes o que desejavam, eles teriam dito: cavalos mais velozes.” Steve Jobs usava esta frase dizendo que as massas sequer sabem o que desejam e cabe ao empreendedor antecipar e até dirigir seus gostos. Mostrar o que as pessoas devem consumir. Muitas invenções realmente foram grandiosas. Mudaram a forma de locomoção, comunicação, etc. Mas não é todo dia que isso acontece. Embora muitos tentem, fica cada vez mais difícil inventar algo novo para ser consumido pelas massas. 
Lendo esta história, me lembrei de Romanos 8.26 - A intercessão do Espírito: “Também o Espírito, semelhantemente, nos assiste em nossa fraqueza; porque não sabemos orar como convém, mas o mesmo Espírito intercede por nós sobremaneira, com gemidos inexprimíveis”. Somente Deus sabe o que realmente precisamos para viver. Deus, conhecendo o nosso coração, sabe que não sabemos orar como convém. Ele sabe que os nossos pedidos muitas vezes são egoístas, outras vezes limitados, tímidos demais. Por isso Deus vai à nossa frente. Ele é o nosso guia e nos ensina por onde devemos andar, que decisões temos que tomar. Paulo diz que o Espírito Santo, segundo a vontade de Deus, intercede por nós. O Senhor “guia os humildes na justiça e ensina aos mansos o seu caminho” (Sl 25.9). As massas são ansiosas por novidades para consumir. Que nós sejamos mansos e humildes para receber de Deus os mais excelentes motivos para viver. 


Mais do que algo para consumir, Deus nos dá algo para fazer.