quarta-feira, 18 de julho de 2018

Coragem para mudanças

Salmo 27.10-14

Levante-se! Esta questão está em suas mãos, mas nós o apoiaremos. Tenha coragem e mãos à obra! (Ed 10.4)

Li um texto que falava sobre a dificuldade que temos com mudanças. Dizia que mudanças exigem de nós novas formas de pensar, novos aprendizados. Realmente, qualquer mudança de rotina não é uma coisa tão simples. Você tem de largar hábitos antigos, já adquiridos, e passar a adotar novos comportamentos. 
Para tentar explicar o medo que sentimos nestes momentos, gosto da comparação do trapezista. “Pense no trapezista e no trapézio. Ele quer alcançar o segundo trapézio, mas só pode fazer isso quando larga o primeiro. Quando larga o primeiro, fica no ar durante um segundo. Esse momento no espaço parece durar uma eternidade. Definitivamente, o trapezista não consegue alcançar o segundo trapézio enquanto não larga o primeiro”.
É preciso de coragem para soltar o trapézio, para deixar algumas coisas para trás, se lançando no ar em busca de algo novo. 
Por isso, precisamos buscar sempre a orientação de Deus para compreender qual a vontade dele para a nossa vida. Não devemos nos acovardar, ficar paralisados pelo medo. Seja o que for, não precisamos temer, como se estivéssemos no ar prestes a cair. Nesta hora mais difícil de indecisão, de espera pelo novo, Deus nos segura pela mão. “Quando Deus te chama para uma tarefa extraordinária, ele providencia recursos extraordinários” (John Wimber).
Podemos nos sentir desamparados, podem nos perseguir. Mas, como diz o salmista, mesmo se nossos pais nos desampararem o Senhor nos acolherá. Apesar das perseguições tenha a certeza que a bondade de Deus estará presente (Sl 27.12-13). 
“Não confunda mudanças com perdas. Por vezes, na vida será preciso mudar para ganhar” (Rosicleide David). Nunca é tarde para mudar, para aceitar novos desafios, para se levantar e dizer “mãos à obra”. Grandes coisas Deus fará em nossa vida. Não vamos esborrachar no chão, pela graça de Deus poderemos voar mais alto, vamos alcançar o próximo trapézio. 

Coragem! Espere no Senhor.