terça-feira, 17 de julho de 2018

É muita vaidade

Deuteronômio 17.17-20

É necessário que ele cresça e que eu diminua (Jo 3:30).

Todo mundo sabe que ser vaidoso não é uma coisa boa. Todos que participaram de uma igreja já ouviram o texto que diz: “A soberba precede a ruína e a altivez do espírito, a queda” (Pv.16.18). Mas não é fácil ser humilde em um mundo de tantas vaidades e que nos incentiva a ser vaidosos. 
O pastor Elben nos dá alguns exemplos de vaidades: “Existe a vaidade do nome, a vaidade do sobrenome, a vaidade da formosura, a vaidade das posses, a vaidade da posição social, a vaidade do heroísmo, a vaidade da inteligência, a vaidade do sucesso, a vaidade dos relatórios, a vaidade da agenda, a vaidade dos títulos, a vaidade dos troféus, a vaidade das viagens, a vaidade da espiritualidade, a vaidade dos dons carismáticos, a vaidade da ortodoxia teológica, a vaidade denominacional, a vaidade da nacionalidade, a vaidade de algumas bobagens que não vale sequer citar”.  
A luta é grande e somente sob a influência da palavra de Deus podemos nos manter humildes. Só a presença de Deus para nos libertar deste grande mal. A palavra de Deus desfaz o mito da segurança terrena. Ela mostra que somos pó. A Bíblia desfaz nossas grandezas mostrando o quanto somos pequenos, pecadores e inúteis. 
Ao subir ao trono, cada rei de Israel deveria fazer uma cópia da Lei do Senhor para ler diariamente, com o propósito de aprender a temer a Deus e cumprir os seus estatutos. Ele deveria fazer isso para que não fosse tomado pela vaidade. 
Quanto mais buscamos os prazeres deste mundo, o acumular bens, cargos e títulos, mais estamos expostos a nos tornarmos vaidosos. Quanto mais estudamos a palavra de Deus e nos dispomos a praticá-la, mais humildes nos tornamos. Poderemos até nos gloriar, mas em conhecer o Senhor. “Mas quem se gloriar, glorie-se nisto: em compreender-me e conhecer-me, pois eu sou o Senhor e ajo com lealdade, com justiça e com retidão sobre a terra, pois é dessas coisas que me agrado” (Jr 9.24).

A vaidade mata, a humildade prolonga os nossos dias.