sexta-feira, 11 de janeiro de 2019

Gratidão


Leitura Bíblica: Colossenses 2.1-7

Cantando hinos de gratidão e falando de todas as tuas maravilhas (Sl 26.7).

David Livingstone foi um pastor escocês que trabalhou na África como missionário. Quase perdeu a vida em Mabotsa num encontro com um leão. Este esmagou-lhe um braço, que ficou inutilizado para sempre. Isto se deu no primeiro lugar onde fixou residência na África. Mais tarde, quando voltou ao seu lar em Kolobing, descobriu que os Boers lhe tinham tirado o sofá, a cama, mesa e a louça de sua casa, tinham quebrado as cadeiras, rasgado os livros, tinham quebrado as janelas, vidros de remédios e levado suas provisões de mantimentos e o gado. Chegando a Linyanti, a capital de Morolo, Livingstone encontrou uma grande enchente. Achou os brejos cobertos d'água à altura de um metro. As árvores, pedras e mato lhe foram grande obstáculo. Chegou ao fim de sua viagem com as mãos ensanguentadas e a roupa toda rasgada. Tinha sofrido febre repetidas vezes. Mas não se incomodava com isto, nem resolveu entregar-se ao desespero. Escreveu: “Há tantas pessoas cuja sorte nesta vida é tão miserável e desgraçada em comparação com a minha boa vida”. Esta última frase de David parece ironia. Parece que ele está brincado, fazendo um humor negro. Mas não era. Ele realmente podia ver que apesar de todos os problemas que enfrentava, sua vida ainda era uma boa vida. 
Muitas vezes reclamamos e ficamos furiosos por pequenas coisas. Ficamos tristes e desanimados, sem ao menos lembrar o quanto temos uma vida boa. O testemunho deste missionário é um grande exemplo de gratidão. Precisamos transpor nossos muitos ou poucos problemas e aprender a ser mais agradecidos. No lugar da lamentação devemos nos ocupar com hinos de gratidão. Melhor do que contar problemas é contar as bênçãos e anunciar as maravilhas de Deus. O Salmo 50.23 nos encoraja a uma vida de gratidão dizendo: “Quem me oferece sua gratidão como sacrifício, honra-me, e eu mostrarei a salvação de Deus ao que anda nos meus caminhos”.

Gratidão é a nossa melhor atitude.