segunda-feira, 15 de abril de 2019

Diminua


Leitura Bíblica: Tiago 3.13-18

Melhor é ter espírito humilde entre os oprimidos do que partilhar despojos com os orgulhosos (Pv 16.19).

Qual a sua altura? Será que conseguimos enxergar realmente quem somos? Em um artigo da revista Ultimado, de março de 1998, tinha um pequeno texto com o título “Diminua a sua altura” que dizia: “Você está alto demais. Você enxerga todo mundo lá embaixo. Isto não é bom para você. Nem para os outros. Quanto mais você enxerga a glória de Deus, mais você se abaixa. Quanto mais você enxerga a sua miséria, mais você se abaixa. A santidade de Deus é perturbadora. Seu pecado é perturbador. Diminua sua altura. Não se eleve acima dos outros pecadores. Não se diferencie deles. Ponha seu rosto em terra. Cubra-se de pano de saco. Ponha terra sobre si. Isso são expressões externas de uma convulsão interna. E é essa convulsão interna de culpa, de confissão e de anseio por Deus que vai tirá-lo da situação em que você se encontra. Pois Deus não despreza ‘coração compungido e contrito’ (Sl 51.17)”.
Acredito que a proposta do texto não é mostrar que não somos importantes, que não temos valor. Esta mensagem é um alerta para que não desprezemos o nosso próximo e, principalmente, para que lembremos de Deus. Nossa missão é compartilhar a vida com o nosso próximo. Não competir, medir ou superá-lo. Em nossa vida, mais do que ser forte, devemos enxergar que nossa força vem de Deus. Devemos olhar para nós mesmos, sempre com humildade, reconhecendo a nossa necessidade de Deus. 
O mundo acredita que a vida é abastecida por autoafirmação. Em Deus percebemos que a vida necessita de humilhação. “Humilhai-vos, portanto, sob a poderosa mão de Deus, para que ele, em tempo oportuno, vos exalte” (1 Pe 5.6 - ARA). “Pois todo o que se exalta será humilhado, e o que se humilha será exaltado” (Lc 14.11).
Mesmo que você não seja uma pessoa orgulhosa, receba esta palavra com carinho. Sempre podemos melhorar, principalmente quanto a sermos mais humildes. 

Quem é humilde não pode ser humilhado.