terça-feira, 4 de junho de 2019

A importância de limites


Leitura Bíblica: Eclesiastes 7.15-18

Seja a vossa moderação conhecida de todos os homens. Perto está o Senhor (Fp 4.5).

Se você pesquisar na internet sobre a porta pega-gordo poderá ver a imagem de uma porta do Mosteiro de Alcobaça. Os monges do Mosteiro de Santa Maria de Alcobaça, a 88 quilômetros de Coimbra, em Portugal, eram submetidos na Idade Média a um tratamento infalível contra a obesidade. J. A. Dias Lopes conta que os monges que comiam no refeitório eram obrigados a buscar a própria comida na cozinha ao lado. Ninguém podia servi-los. O problema é que precisavam atravessar uma porta. E daí? É que a porta media 2 metros de altura e apenas 32 centímetros de largura. Quem não conseguisse ultrapassá-la ficava sem comer e, obviamente, emagrecia velozmente. Os superiores dos monges recorreram à porta pega-gordo porque a gula é um dos sete pecados capitais e a obesidade os tornava menos aptos aos trabalhos braçais. Os religiosos pertenciam à extinta Ordem de Cister, cujos seguidores trabalhavam como agricultores e produziam tudo que consumiam. Em 1834, eles foram obrigados a abandonar o mosteiro, pelo decreto governamental que suprimiu as ordens religiosas de Portugal. Hoje, o Mosteiro de Alcobaça, funciona como museu.
Vivemos em um mundo consumista e tendencioso aos excessos. Todos querem quebrar recordes, romper limites. Por isso, exageros são comuns, ir além da medida é desejo de muitos. Neste contexto precisamos lembrar da importância de limites, da importância do equilíbrio e da moderação. A vida não pode ser vivida em excessos. Nem excesso de limites como neste mosteiro, nem excessos de não limites. Vivendo na presença do Espírito de Deus não somos covardes ou medrosos. Não vivemos podados, limitados, amarrados por regras. Vivemos no poder do Espírito. Um poder sob o controle de Deus. Um poder direcionado para o bem, para o amor, para a prudência e moderação (2Tm 1.7). Cuidado com os excessos, menos pode ser mais, mais pode ser demais. 

Moderação, a chave do sucesso.