terça-feira, 22 de abril de 2008

Compadecer

Isaías 50:4-9

Eu lhes disse essas coisas para que em mim vocês tenham paz. Neste mundo vocês terão aflições; contudo, tenham ânimo! Eu venci o mundo (Jo 16.33).

Encontramos neste texto de Isaías uma profecia falando do sofrimento de Jesus. Ler esta história nos encoraja a suportar as aflições de nossa vida com perseverança. Não que ver alguém sofrer seja algo que traga ânimo. O que nos transmite força é saber que aquele que nos consola é alguém que também já passou por grande sofrimento.
Jesus disse que no mundo teremos aflições, mas devemos ter ânimo. O motivo que Ele dá para termos ânimo é: “Eu venci o mundo”. Jesus não é apenas um rei poderoso que fica no palácio, cercado de riqueza, dizendo para os seus súditos que eles devem ficar firmes nas dificuldades. Jesus sofreu muitas perseguições e dores. Foi desprezado, rejeitado, Ele sabe o que é padecer.
Algumas vezes pensamos que estamos sozinhos e que não há ninguém que possa entender nossa dor, sofrer conosco, compadecer de nossa fraqueza. Estamos enganados, porque temos Jesus e ele compadece de nossas fraquezas.
Se observarmos as atitudes de Jesus diante do sofrimento, também podemos aprender como devemos reagir nestes momentos difíceis. Ele não resistiu, nem recuou do que deveria passar. Submeteu-se voluntariamente à intensa hostilidade. Jesus não se sentiu humilhado. Não podemos fugir do sofrimento como se ele não existe. Não devemos reagir de forma agressiva, vingativa, mas é preciso suportar, se calar.
Para que isso seja possível, é preciso ajuda do Senhor. Em meio ao sofrimento e humilhação, ter confiança em Deus. Saber que Ele está ao nosso lado e daí tirar forças para até receber bofetadas como se nada estivesse acontecendo. Se o Senhor está perto, podemos ter certeza de que a qualquer momento Ele vai intervir. Os adversários perecerão. Os inimigos serão desvestidos de sua aparente glória.

Quem padeceu sabe melhor compadecer.