terça-feira, 22 de abril de 2008

Humildes Começos

Zacarias 4:6-10

Não por força nem por violência, mas pelo meu Espírito, diz o Senhor dos Exércitos (Zc 4.6).

O povo de Judá estava desencorajado na ocasião do lançamento dos alicerces do segundo templo. O desânimo do recomeçar deveria ser vencido pela esperança da conclusão daquela obra. Muitos de nós vamos nos surpreender com o resultado que vamos obter após os primeiros passos que podemos dar hoje. Lao Tse disse: “Uma viagem de mil milhas começa com o primeiro passo.” Se realizarmos algo todos os dias, faremos muito em pouco tempo.
A pressa e a vontade de se obter resultados imediatos têm gerado nas pessoas indisposição para realizar qualquer coisa que exija um pouco de dedicação. É preciso fugir desta artificialidade moderna. Muito mais saboroso é colher do fruto de nossa dedicação e trabalho do que experimentar o que vem enlatado, pré-cozido e que não exige envolvimento e dedicação.
Se agirmos assim, nossa vida se tornará mais produtiva e dinâmica. É preciso tomar a decisão certa na escolha de qual projeto vamos desenvolver. É preciso responsabilidade e persistência para não abortar no meio do caminho. Uma sugestão. Comece algo hoje. Sonhe com a possibilidade de se tornar alguém melhor. Escolha alguma coisa e dedique-se a ela com amor e responsabilidade. Você pode começar a estudar música, você pode entrar na faculdade, você pode começar a guardar algum dinheiro, você pode começar a ler a Bíblia. Seja o que for, lembre-se que a decisão mais importante é poder começar algo com confiança.
O começo de qualquer coisa pode parecer humilde, insignificante, mas com certeza ficaremos logo surpresos ao vivenciar a velocidade com que este humilde começo se transformará em uma grande realização. Seremos surpreendidos com a força da persistência, com a velocidade em que as barreiras serão transpostas. O fruto colhido será maior do que poderíamos imaginar.

O primeiro passo é o início de uma grande conquista.