terça-feira, 25 de outubro de 2011

Anorexia


Amós 8.1-14
Porque ele sacia o sedento e satisfaz plenamente o faminto (Sl 107.9).
Anorexia é uma disfunção alimentar, pessoas que sofrem com esta doença comem muito pouco, uma dieta insuficiente que causa um emagrecimento acentuado e falência física.
É necessário buscar tratamento médico. Quando alguém fica um longo período sem comer deve ingerir pequenas quantidades de líquidos ou alimentos facilmente digeríveis. Ter um horário normal de refeições é importante e faz lembrar que tem de comer.
Mas não é desta anorexia que desejo falar hoje. Quero falar da anorexia espiritual, um mal que atinge milhares de pessoas. A falta de apetite espiritual é muito comum. Isso vai acontecendo de forma gradativa. Com muitas atividades, o tempo para alimentar-se fica escasso e quanto menos nos alimentamos, menos apetite temos. O alimento passa a nos causar náusea e mal estar.
É preciso uma reeducação alimentar espiritual. Muitos se acostumaram com comida de má qualidade. Doces, gorduras e veneno estão sendo oferecidos através de ensinos contrários à Palavra de Deus. Também o pecado e seus desejos estão tomando o lugar do alimento verdadeiro que é Jesus, o pão da vida.  
O povo de Israel viveu dias de abandono da verdade de Deus e por isso sofreu grande condenação. Amós, em sua visão (o cesto de frutos maduros), prevê a destruição daquele povo.  A referência a frutos maduros significava que o fim deles estava próximo. Amós diz que chegaria o tempo em que o povo ansiaria por ouvir as palavras que há tanto desprezaram. Eles teriam fome e sede de ouvir as palavras do Senhor.
Pela graça maravilhosa de nosso Deus não precisamos esperar o dia da ira para ter fome de Deus. Ele abre hoje nossos olhos e nos alerta ao perigo de uma anorexia espiritual. Ele nos cura e traz de volta nosso apetite, o desejo pela oração, pelo estudo de sua Palavra e pela comunhão com os irmãos.
E então um dia ouviremos o Senhor nos dizer: “Venham, reúnam-se para o grande banquete de Deus”.

O fortalecimento da vida depende de uma alimentação saudável. 

Rev. Hebert dos Santos Gonçalves