domingo, 24 de junho de 2012

As boas promessas


Por Nélio DaSilva
Prometa a si mesmo que você não irá desperdiçar o seu valioso tempo com a inútil ira e com destruidor ressentimento, inveja ou preocupação. 

Prometa a si mesmo que você fará o melhor deste precioso e incalculável momento que você está vivendo. 
Prometa a si mesmo que você irá dirigir a sua atenção e seus esforços para as coisas que tenham real propósito e significado. 
Prometa a si mesmo que você irá agir de forma amorosa, autêntica e de maneira eficiente em tudo o que você se propuser a fazer. 

Prometa a si mesmo que você verá cada novo dia com uma dádiva e um magnífico presente que Deus está acrescentando à sua vida. 
Prometa a si mesmo que você verá os dias aparentemente comuns à sua frente como uma extraordinária oportunidade para fazer uma diferença neste mundo. 
Prometa dar a si mesmo apaixonantes razões para viver uma vida que venha a deixar um marcante legado a vidas que você irá tocar.

"Senhor, Senhor nosso, como é majestoso o teu nome em toda a terra! Tu, cuja glória é cantada nos céus. Dos lábios das crianças e dos recém-nascidos, firmaste o teu nome como fortaleza, por causa dos teus adversários, para silenciar o inimigo que busca vingança. Quando contemplo os teus céus, obra dos teus dedos, a lua e as estrelas que ali firmaste, pergunto: Que é o homem, para que, com ele, te importes? E o filho do homem, para que, com ele, te preocupes? Tu o fizeste um pouco menor do que os seres celestiais e o coroaste de glória e de honra."   Salmos 8:1-5