quinta-feira, 28 de março de 2013

NOSSA PÁSCOA É DIFERENTE


A Páscoa histórica está relacionada a Décima praga - a morte dos primogênitos. Israel recebeu a ordem de preparar um cordeiro para cada lar. O sangue deveria ser aplicado na verga e nas ombreiras das portas. O sinal do sangue garantia a segurança de cada casa assim indicada.
A palavra páscoa é o verbo hebraico que significa passar por cima, no sentido de poupar. Significa passagem da escravidão para liberdade. Páscoa era a festa judaica que comemorava a libertação dos Israelitas do cativeiro egípcio. O cordeiro morto era uma prefiguração da morte de Cristo.  A morte de Cristo e sua ressurreição nos trouxeram libertação da escravidão do pecado e da morte eterna. 
Nossa festa de Páscoa hoje é a Santa Ceia, que representa o sacrifício de Jesus na Cruz para a nossa real libertação. "Se, pois o filho vos libertar, verdadeiramente sereis livres"
Somos chamados para viver a páscoa, que é a passagem para a vida de libertação, a verdade de Cristo que nos conduz a Deus. Jo.8:32-36

Feliz Páscoa !!
Rev. Hebert dos Santos Gonçalves