sábado, 28 de maio de 2016

O que é detestável

Provérbios 6.16-19

Odeiem o mal, vocês que amam o Senhor, pois ele protege a vida dos seus fiéis e os livra das mãos dos ímpios (Sl 97.10).

Se nos pedissem exemplos de sete coisas que detestamos, talvez passaríamos longe do que é detestável a Deus. Há no homem uma falta de conhecimento da vontade de Deus. Neste texto encontramos sete coisas que Deus detesta e que também devemos detestar, afastando-nos sempre delas. Vejamos com atenção:
Olhos altivos – Deus detesta o olhar orgulhoso, olhar como quem domina o tempo e as estações, o olhar dominador como quem pode tudo, demonstrando falta de humildade (Sl 18.27; 1Tm 6.17).
Língua Mentirosa – A mesma língua com que louvamos a Deus pode ser usada para amaldiçoar o próximo (Pv 12.19).
 Mãos que derramam sangue inocente – Deus detesta toda forma de ódio contra alguém, toda violência praticada em atos e no coração.
Coração que traça planos perversos – É do coração que provém todo o mal. O assassino que tira a vida de outrem concebeu antes o crime no coração. O que deseja a mulher do próximo, já arquitetou a maldade no coração. Cuidado com os sentimentos que se aninham em nossa mente.
Pés que se apressam para fazer o mal – Muitas vezes damos passos para arruinar a nossa própria vida, e muitos desses passos também arruínam a vida de nosso próximo.
Testemunha falsa que espalha mentiras – Mais uma vez a mentira é destacada como algo que Deus detesta. A mentira vem do diabo (Jo 8.44). Devemos fugir dela e de toda sua aparência multiforme: a hipocrisia, as invenções, os exageros, toda ficção mentirosa (Ap 22.15; 1Tm 4.2).
Aquele que provoca discórdia entre irmãos – Se procedermos assim, separaremos o que Deus uniu por meio da morte de seu filho Jesus, o que desagradará a Deus. 


Para fazer o que Deus gosta,
comece fazendo o contrário do que ele detesta.