sexta-feira, 17 de junho de 2016

Possibilidade

Êxodo 16.11-15;35 

Tudo é possível àquele que crê (Mc 9.23b). 

Acredite, ela existe e pode estar muito mais perto do que você imagina. Quando se manifesta, deixa para trás o medo, a dor e a incredulidade. Ela se chama possibilidade. Diante de um problema, quando todos já desistiram e ninguém consegue enxergar uma solução, aparece a esperança que é fornecida pela afirmação bíblica de que nada é impossível para Deus (Gn 18.14 e Mt 19.26). Somos confortados quando nossos olhos se voltam para Deus numa entrega confiante e aguardamos a possibilidade de uma intervenção divina na situação.
Israel esteve diante de muitos exemplos da ação de Deus. Em nosso texto de hoje, vemos o Senhor sustentando seu povo no deserto. Imagine milhares de pessoas com fome e nenhum recurso possível para alimentar tanta gente. Diante desta situação, Deus anunciou: “Ao pôr do sol vocês comerão carne, e ao amanhecer se fartarão de pão” (v 12). Como acreditar nisso? De onde poderia vir esse alimento? Parecia impossível, mas Deus cumpriu sua promessa: na hora marcada, enviou codornizes e maná, uma espécie de pão. 
Podemos estar certos de que nada nem ninguém pode impedir o agir de Deus em nossa vida. Ele não se limita às possibilidades humanas. Para Deus não existem impossíveis em suas promessas, e não há nenhuma chance de que ele contradiga sua própria essência. Sua ação sempre tem como finalidade principal a sua glória. Quando ele alimentou o povo no deserto, disse: “Assim saberão que eu sou o Senhor, o seu Deus” (v 12). Deus não mede esforços para demonstrar cuidado por seu povo. Se necessário, faz chover pão do céu para nos sustentar. Sua ação nos trará grande benefício e sempre será motivo para darmos glórias a Deus. 
Se você tem um grande desafio hoje, não olhe para o tamanho dos gigantes. Volte-se com fé para Deus, que luta com você e por você. Com ele, o que parece impossível pode tornar-se realidade!


A possibilidade tem um nome: ação de Deus.