quinta-feira, 11 de agosto de 2016

Aprendendo orar

Romanos 8:26-27

A explicação das tuas palavras ilumina e dá discernimento aos inexperientes (Sl 119.130).

Orar é falar com Deus. Para falar com alguém precisamos falar sua língua. Para falar qualquer língua é preciso aprendê-la. Achei interessante a comparação a respeito de nossa experiência pessoal na aquisição da linguagem com a oração, dada por Eugene H. Peterson que dizia: “Linguagem é falada para nós, aprendemos a falar quando falam conosco. Quando nascemos passamos a ouvir diariamente muitas palavras. Pouco a pouco percebemos que algumas dessas palavras estão sendo dirigidas a nós. Depois, de sílaba em sílaba, adquirimos a capacidade de responder: mamãe, papai, sim, não. Nenhuma destas palavras foi dita primeiro, todas foram respostas. Alguém falou conosco antes de que falássemos. Isso acontece com todas as pessoas. Assim também é que aprendemos a orar. Orar, antes de falar com Deus, é ouvir a Deus e responder ao que ele fala.  Em certo momento, começamos a responder a Deus, e a descrição comum deste uso que fazemos da linguagem é a palavra oração.”
Acredito que temos dificuldade de orar, pois nos tem faltado ouvir mais o que Deus tem a nos dizer. Orar não é simplesmente falar qualquer coisa para Deus, não é repetir as mesmas palavras várias vezes. Como para cantar uma música precisamos antes ouvi-la várias vezes, é preciso ouvir mais a Deus para estarmos afinados com a sua vontade em nossas orações. 
Deus nos ajuda em nossa fraqueza com a linguagem da oração. O Espírito Santo intercede por nós.  Na comunhão do Espírito podemos desenvolver e aprender a linguagem adequada para responder o que Deus fala conosco. 
Deus nos fala através dos acontecimentos, através das pessoas que nos cercam e principalmente através da Bíblia, a Palavra de Deus. Precisamos estar atentos a tudo o que acontece.
Buscando ouvir mais a Deus, sempre em nossa oração, vamos pedir segundo a Sua vontade revelada a nós em suas promessas (2 Sm 7.28-29).


Aprendemos a falar ouvindo, aprendemos a orar ouvindo.