sexta-feira, 10 de fevereiro de 2017

Decisão

Romanos 6.12-14

Resolveu Daniel, firmemente, não contaminar-se com as finas iguarias do rei” (Dn 1.8a).

Alguma vez você já tomou uma decisão radical de mudar alguma coisa em sua vida? Resolveu começar uma dieta, fazer uma faculdade, largar certo vício? 
O pastor Oswald Smith, no dia 8 de novembro de 1927, data de seu aniversário de 30 anos, fez a seguinte oração a Deus: "Senhor, faz de mim um homem segundo o teu coração. Senhor, eis aqui os meus pés, eu os dedico a ti. Que nunca andem por onde não queres. Eis aqui também, Senhor, os meus olhos. Que nunca permaneçam fixados em alguma coisa que entristeça o teu Espírito Santo. Que os meus ouvidos nunca estejam escutando o que desonre o teu Santo Nome. Que a minha boca jamais profira uma palavra que não queiras ouvir. Que a minha mente nunca retenha um pensamento ou imaginação que possa apagar o sentimento da tua presença. Que o meu coração não conheça nenhum amor, ou se agrade com alguma coisa que não seja de ti. Amém!".
Este foi um momento decisivo na vida do pastor Oswald. Ele entendeu que o que mais importava não eram seus livros vendidos, suas concorridas palestras para multidões. O mais importante era sua vida íntima diante de Deus, a santidade nos pensamentos e a prática da justiça. Mais do que qualquer outra coisa, era necessária uma maior busca pelo conhecimento de Deus. 


A melhor decisão que podemos tomar é assumirmos um compromisso com Deus. Um compromisso de dedicação integral. “Senhor, faz de mim um homem segundo o teu coração”. Você alguma vez fez esta oração?