segunda-feira, 15 de maio de 2017

Moderação

Provérbios 2.6-10

“Seja a vossa moderação conhecida de todos os homens. Perto está o Senhor” (Fp 4.5).

“Não digas tudo o que sabes. Não faças tudo o que podes. Não acredites em tudo o que ouves. Não gastes tudo o que tens. Porque quem diz tudo o que sabe, quem faz tudo o que pode, quem acredita em tudo o que ouve, quem gasta tudo o que tem, muitas vezes diz o que não convém, faz o que não deve, julga o que não vê, gasta o que não pode” (autor desconhecido).
Deus nos tem dado espírito de moderação. Pense com moderação. Em todas áreas de nossa vida é preciso agir com moderação. Quando falamos dos outros, quando falamos de nós mesmos, quando compramos, quando comemos, quando praticamos exercícios, quando dormimos, etc. 
Para praticar a moderação é preciso buscar sabedoria. “Um homem prudente é como um alfinete: sua cabeça o impede de ir muito longe” (Paul Morano). Precisamos agir com sabedoria e não somente seguir nossas vontades e desejos. No capítulo 2 de Provérbios encontramos a afirmação: “se clamares por inteligência, e por entendimento alçares a voz, se buscares a sabedoria como a prata e como a tesouros escondidos a procurares, então, entenderás o temor do Senhor e acharás o conhecimento de Deus” (v. 3-4). A promessa é que se buscarmos a sabedoria, o Senhor, de quem vem toda inteligência e entendimento, nos dará. A sabedoria de Deus vai nos levar a uma vida de moderação. Vamos aproveitar as oportunidades de nossa vida sempre de forma agradável e moderada. 


Cuidado com os excessos.