sábado, 1 de julho de 2017

Alegria todo dia

Salmo 59.16-17

“Converteste o meu pranto em folguedos; tiraste o meu pano de saco e me cingiste de alegria” (Sl 30.1).

Você conhece alguma música que fala de alegria? Acredito que a mais cantada nas igrejas é a que diz: A alegria está no coração de quem já conhece a Jesus. Mas conheço uma música de Amaurílio Fontenelle que também se chama Alegria. Ela diz: 
“Alegria é viver feliz sem importar qual a situação: Se honrado ou se humilhado em escassez ou fartura de pão. Alegria é poder pedir ao Deus bendito pelo meu irmão. É viver no mesmo sentimento de afeto e de consolação. Alegria é saber que Deus, segundo a sua glória e riqueza, vai suprir nossas necessidades com certeza. Alegria é tudo perder sem perder nada do amor de Deus. Ter de Cristo o conhecimento nos caminhos seus. Essa alegria no Senhor nunca vai acabar. Ele nos faz tanto o querer como o realizar”.
O que encontramos em comum nestas letras é a verdade de que a alegria não está nas coisas, nos bens materiais, nas conquistas humanas. A alegria está no que somos. Alegria é conhecer a Jesus. Temos alegria quando ajudamos nosso próximo. Temos alegria, porque somos consolados por Deus. 
Esteja você hoje como estiver, saiba que Deus pode lhe dar uma experiência de plenitude de alegria. Não somos chamados para uma vida mais ou menos. Não somos como os que vivem suportando a vida. Nossa vida tem mais sabor e alegria. Vivemos de força em força, de glória em glória. Mesmo que ao anoitecer venha o choro, a promessa de Deus é que a alegria vem pela manhã (Sl 30.5b). 


Quando nos aproximamos de Deus, somos tomados pela alegria.