quinta-feira, 3 de maio de 2018

Deus responde às orações

Daniel 10.10-12

Pois os olhos do Senhor estão atentos sobre toda a terra para fortalecer aqueles que lhe dedicam totalmente o coração (2Cr 16.9a).

Daniel é um grande exemplo de homem piedoso. Ele manteve seu testemunho durante toda vida. Neste capítulo 10, Daniel se encontra abatido pelas revelações acerca do presente e futuro. O texto diz que ele passou três semanas chorando, comendo apenas o básico. Neste tempo, buscou a Deus em oração, até que recebeu o consolo de Deus. De forma sobrenatural, Deus aparece para ele às margens do rio Tigre. 
Daniel é chamado de “homem muito amado”. Como deve ter sido bom para ele que já estava idoso, sentindo-se enfraquecido, ser recepcionado com estas palavras. Diz o texto que depois destas palavras, Daniel se colocou de pé. A seguir ouviu mais uma palavra de incentivo: “Não tenha medo”. Esta expressão se repete em toda a Bíblia e demostra que podemos ficar em paz na presença de Deus. Daniel poderia ficar assombrado naquele momento, mas Deus estava ali para confortá-lo e ele não deveria temer. 
Deus responde às orações. Isso fica claro quando ouvimos as palavras que seguem. “Desde o primeiro dia em que você decidiu buscar entendimento e humilhar-se diante do seu Deus, suas palavras foram ouvidas, e eu vim em resposta a elas” (v.12).
Devemos crer no Deus que ouve e responde as orações. Deus, em seu grande amor, tem prazer em servir seus servos. Como Daniel, é preciso decidir buscá-lo, procurar compreensão para os problemas que enfrentamos em Deus. É preciso humilhar-se na presença do Senhor. Mesmo que a resposta não venha imediatamente, Deus está ouvindo. Não estamos abandonados ou esquecidos.  
Este acontecimento na vida de Daniel é um testemunho que fortalece cada um de nós como povo de Deus. É para nós um exemplo que nos faz sentir protegidos, mais confiantes. Que possamos permanecer firmes na fé, resistindo as tentações, perseverando nos caminhos da justiça mesmo diante das adversidades que enfrentarmos.  


Oração, vigilância e fervor são acompanhados pelo favor do Senhor.