sábado, 26 de maio de 2018

Fé salvadora

Romanos 10.16-17

Porque desde criança você conhece as Sagradas Letras, que são capazes de torná-lo sábio para a salvação mediante a fé em Cristo Jesus (2Tm 3.15).

Na Bíblia, aprendemos que a salvação é pela graça mediante a fé. Mas o que é esta fé salvadora? Antes de falar o que é a fé salvadora, é preciso lembrar o que ela não é. A fé não é uma obra humana. Como se disséssemos, Deus entra com a graça e nós entramos com a fé. Não é isso. A fé não é independente de Deus. A fé é dom de Deus. A salvação não é por qualquer tipo de obra: “Não de obras para que ninguém se glorie” (Ef 2.9). Deve ficar claro que isso também não significa que ficamos isentos de praticar boas obras. Como muito bem ensinou Tiago, a fé sem obras é morta (Tg 2.17). É através das obras que podemos confirmar que temos fé. 
Respondendo a questão, o que é fé salvadora, encontramos no capítulo XIV da Confissão de Fé de Westminster a seguinte palavra: “A graça da fé, pela qual os eleitos são habilitados a crer para a salvação da sua alma, é a obra que o Espírito de Cristo faz nos corações deles, e é ordinariamente operada pelo ministério da Palavra; por esse ministério, bem como pela administração dos sacramentos e pela oração, ela é aumentada e fortalecida”. 
Ou seja, a fé não é adquirida por esforço próprio ou pelo intelecto, mas pela ação do Espírito Santo. E pelo conhecimento da Palavra, a nossa fé é fortalecida. 
Conforme o ensino da CFW, a fé produz em nós condição para crermos em tudo o que Deus fala em sua Palavra. A fé nos faz agir em conformidade com o que aprendemos. A fé nos faz acreditar nas promessas de vida eterna. Pela fé, cremos que Jesus é o filho do Deus Salvador. Como ensina Paulo, a verdadeira fé tem como sua base a Palavra de Deus. “Portanto, a fé vem por ouvir a mensagem, e a mensagem vem por meio da pregação a respeito de Cristo” (Rm 10.17). Vem por ouvir a Palavra de Cristo, pela ação do Espírito Santo. Ouvir a Palavra traz vida à nossa alma. 

Que Deus aumente a nossa fé!