sexta-feira, 29 de junho de 2018

A luz

Salmo 56.10-13

Pois me livraste da morte e os meus pés de tropeçarem, para que eu ande diante de Deus na luz que ilumina os vivos (Sl 56.13).

Uma borboleta multicor estava voando na escuridão da noite quando viu, ao longe, uma luz. Imediatamente, voou naquela direção e ao se aproximar da chama pôs-se a rodeá-la, olhando-a maravilhada. Como era bonita! Não satisfeita em admirá-la, a borboleta resolveu fazer o mesmo que fazia com as flores perfumadas. Afastou-se e em seguida voou em direção à chama e passou rente a ela. Viu-se subitamente caída, estonteada pela luz e muito surpresa por verificar que as pontas de suas asas estavam chamuscadas. “Que aconteceu comigo?” - pensou ela. Mas não conseguiu entender. Era impossível crer que uma coisa tão bonita quanto a chama pudesse causar-lhe mal. E assim, depois de juntar um pouco de forças, sacudiu as asas e levantou voo novamente. Rodou em círculos e mais uma vez dirigiu-se para a chama, pretendendo pousar sobre ela. E imediatamente caiu, queimada, no óleo que alimentava a brilhante e pequenina chama. - Maldita luz! - murmurou a borboleta agonizante - Pensei que ia encontrar em você a felicidade e em vez disso encontrei a morte. Arrependo-me desse tolo desejo, pois compreendi, tarde demais, para minha infelicidade, o quanto você é perigosa. - Pobre borboleta! - respondeu a chama - Eu não sou o sol, como você tolamente pensou. Sou apenas uma luz. E aqueles que não conseguem aproximar-se de mim com cautela, são queimados. 
Como diz o ditado: nem tudo que reluz é ouro. Existem muitas coisas das quais devemos nos aproximar com cautela e outras que nem devemos nos aproximar. Paulo afirmou em 2Coríntios 11.14, que o próprio Satanás se disfarça de anjo de luz. Nem tudo que brilha e nos atrai é a verdadeira luz. Somente Deus é a verdadeira luz. “Tu, SENHOR, és a minha lâmpada; o SENHOR derrama luz nas minhas trevas” (2Samuel 22.29). 
Que sejamos atraídos para o bem. Que nosso coração esteja inclinado a amar e buscar a presença de Deus, a luz da vida. 

Quem pratica a verdade se aproxima da luz.