segunda-feira, 3 de dezembro de 2018

Deus amou


João 3.16-21

Porque Deus tanto amou o mundo que deu o seu Filho Unigênito, para que todo o que nele crer não pereça, mas tenha a vida eterna (Jo 3.16).

João 3.16 é um dos versículos mais conhecidos e lidos da Bíblia. Ele anuncia o amor de Deus, traz esperança e alegria a um mundo perdido. João 3.17 afirma que Deus mandou o seu Filho para salvar o mundo e não para julgá-lo. A salvação foi anunciada por ele. Veja o que Jesus diz em João 5.24: “Eu lhes asseguro: Quem ouve a minha palavra e crê naquele que me enviou, tem a vida eterna e não será condenado, mas já passou da morte para a vida”.
Gosto muito da poesia de Jonathas Braga sobre João 3.16 que diz: Por que Deus amou o mundo não entendo. Os homens são tão maus e tão perversos que sua iniquidade é um mal tremendo e longe do Senhor vivem dispersos. Porém sei que este amor de tal maneira aos homens fez sentir o seu poder que deu ao Unigênito a primeira e mais preciosa dádiva a saber. E Jesus sofreu tanto para que todo aquele que aceitar com fé intensa e nele crer levante-se do lodo e viva para Deus em pura crença. E todo aquele que nele houver crido não pereça nas dúvidas fatais, mas tenha vida eterna recebido, e permaneça sempre mais e mais.
Mais do que entender, devemos crer. Somente através da fé podemos compreender um pouco mais o amor de Deus. A Bíblia diz que devemos crer no nome do unigênito filho de Deus. Quem nele crê não é condenado. 
É preciso despertar para este grande amor de Deus por nós. Ele nos escolheu não porque somos especiais, mas porque ele nos amou. Um amor ligado pelo amor, não por mérito pessoal. Deuteronômio 7.7-8 diz: “Não vos teve o SENHOR afeição, nem vos escolheu porque fôsseis mais numerosos do que qualquer povo, pois éreis o menor de todos os povos, mas porque o SENHOR vos amava e, para guardar o juramento que fizera a vossos pais, o SENHOR vos tirou com mão poderosa e vos resgatou da casa da servidão, do poder de Faraó, rei do Egito”. Saber disso nos faz ainda mais agradecidos. 

Deus diz para nós: olhe para a cruz, pra Jesus e não pereça.