domingo, 14 de abril de 2019

Pecar é tolice


Leitura Bíblica: Mateus 5.29-30

Você tramou a ruína de muitos povos, envergonhando a sua própria casa e pecando contra a sua própria vida (Hc 2.10).

Falar sobre pecado já é falar sobre algo que incomoda. A frase “eu pequei” é a que menos ouvimos. Até existem pessoas que admitem que se excederam, se enganaram, que erraram. E quando alguém diz “eu sou um miserável pecador”, é bom não repetirmos. Ele pode dizer que é pecador, mas provavelmente não vai gostar de ouvir isto de outra pessoa. 
Admitindo ou não, é certo que pecamos. Acredito que não seja fácil admitir isso, pois pecar é a maior tolice que podemos cometer. Pecar é ofender a Deus. Pecar é afrontar o criador do universo.  
Por que não é apenas um erro, como também uma tolice, pecar contra Deus? Cornelius Plantinga Jr. disse: “Deus é o nosso bem final, nosso criador e salvador, o único em quem nossos corações inquietos vêm descansar”. Todo pecado desagrada a Deus. Por isso é uma ofensa contra Deus. C. S. Lewis, certa vez, disse que pecar é serrar o galho em que estamos. 
Pecar para muitos é chamado de aventura, prazer, mal necessário. Na verdade, podemos dizer que pecado é autodestruição. Quando não há reconhecimento e arrependimento, o pecado é um caminho para a morte. “Então esse desejo, tendo concebido, dá à luz o pecado, e o pecado, após ter se consumado, gera a morte” (Tg 1.15).
Reconheça seu pecado. Confesse a Deus. Maior que o nosso pecado é o poder de Deus em perdoar. Mais do que nosso desejo de pecar, é a vontade de Deus em nos salvar. Veja as palavras do salmista: “Pois como os céus se elevam acima da terra, assim é grande o seu amor para com os que o temem; e como o Oriente está longe do Ocidente, assim ele afasta para longe de nós as nossas transgressões” (Sl 103.11-12).
Pense nisto. Pecar é mais do que um simples desviar de um caminho, mais do que uma distração. Pecar é caminhar para o despenhadeiro, rumo à destruição. É caminho de vergonha e perda. Perdemos nós, perde nossa família e perdem nossos amigos.  

Troque a tolice por temor.