sábado, 22 de junho de 2019

Críticas que prejudicam


Leitura Bíblica: 1 Pedro 4.8-11

O falar amável é árvore de vida, mas o falar enganoso esmaga o espírito (Pv 15.4).

Vivemos e convivemos com pessoas estranhas, amigos e familiares. Sempre vamos concordar e discordar uns dos outros. Uma prática muito perigosa nos relacionamentos é a crítica sem delicadeza, sem filtro, quando criticamos de forma grosseira, fazendo uma caricatura dos defeitos e falhas que enxergamos nos outros. Palavras ditas impensadamente prejudicam nossos relacionamentos. Por exemplo, a mulher reclamando do marido: “Você sempre chega tarde”, ou o marido falando para a esposa: “Você está ridícula com esta roupa”! A maneira de dizer pode ser melhor. A mulher poderia expressar seu desejo de ficar mais tempo com seu esposo e o marido dizer que gosta mais quando sua esposa veste outra roupa. 
Críticas prejudicam quando são palavras de acusação, demostrando raiva. Podemos expressar nosso descontentamento de alguma coisa sem fazer acusação às pessoas. Toda forma de agressão deve ser rejeitada por nós. Inclusive agressões verbais - gritaria, xingamentos e até olhares raivosos. No lugar da agressão devemos agir com amor. O amor que é paciente, que faz o bem, que deseja ajudar o outro e não apenas apontar seus defeitos. Quando dizemos palavras suaves, alimentamos a vida. Palavras amáveis são saudáveis a quem ouve. 
Quem ama tem mais facilidade de perdoar. Uma vez perguntaram a um sábio quantas vezes a gente deve refletir para julgar. Ele disse: se for para condenar deve-se refletir cem vezes, mas se for para perdoar, uma vez apenas basta, porque erra quem condena sem hesitar, mas erra muito mais quem hesita em perdoar. “Acima de tudo, porém, tende amor intenso uns para com os outros, porque o amor cobre multidão de pecados” (1Pe 4.8). “Pedro não está dizendo que nossos atos amorosos expiam pecados. Longe disso! O surpreendente ponto de Pedro é que o amor esconde as faltas de outros em vez de fazer delas um espetáculo” (Michael Horton). 

Amor demonstra humildade e consideração para com o próximo.