sábado, 17 de agosto de 2019

Difícil subir!


Leitura Bíblica: Zacarias 4.6-10

Todo o que nele confia jamais será envergonhado (Rm 10.11).

Não consigo subir nesse morro, disse o menininho. - É impossível. O que vai me acontecer? Vou passar a vida inteira aqui no pé do morro. É terrível demais! - Que pena! disse a irmã. - Mas olhe, maninho! Descobri uma brincadeira ótima! Dê um passo e veja se consegue deixar uma pegada bem nítida na terra. Olhe só para a minha! Agora, você veja se consegue fazer uma tão boa assim! O menininho deu um passo: - A minha está igual! - Você acha? disse a irmã. - Olhe a minha, de novo, aqui! Eu faço mais forte que você, porque sou mais pesada e por isso a pegada fica mais funda. Tente de novo. - Agora a minha está tão funda quanto a sua! gritou o menininho. - Olhe! Esta, esta e esta, estão o mais fundas possível! - É, está muito bom mesmo - disse a irmã, mas agora é minha vez, deixe eu tentar de novo e vamos ver! Eles continuaram, passo a passo, comparando as pegadas e rindo da nuvem de poeira cinzenta que lhes subia por entre os dedos descalços. Dali a pouco, o menininho olhou para cima. - Ei, disse ele, nós estamos no alto do morro! - Nossa! - disse a irmã. - Estamos mesmo.
Exemplos de encorajamento sempre são bem vindos. Esta menina fez seu irmãozinho tirar os olhos da montanha difícil de subir, levando sua atenção para os seus pés e passos. Os pequenos passos são fundamentais para se alcançar as maiores vitórias. “Pois aqueles que desprezaram o dia das pequenas coisas terão grande alegria ao verem a pedra principal nas mãos de Zorobabel” (Zc 4.10). Zorobabel estava apenas começando o trabalho de reconstrução do templo. Muitos olharam com desdém o que provavelmente estava gerando um desânimo geral. Mas a palavra de Deus a ele foi de vitória. Eles, confiantes ou não, iriam ver a obra concluída e iriam se alegrar por isso. A conquista seria etapa por etapa. E, principalmente, ela seria realizada não por força ou poder, mas pelo auxílio de Deus e de seu Espírito. 

O Senhor nos leva até a rocha mais alta!